A auto-biografia de uma adolescente que se tornou mulher e que conta a todos a sua vida promiscua desde que descobriu essa coisa tão boa que é o SEXO. ESTE BLOG NÃO É ACONSELHÁVEL A PESSOAS COM MENTE RETRÓGRADA OU RACISTAS

Comenta
14
Abr 10

 

 

Olá

 

Para quem pensava que o blog estava morto, ainda não foi desta que ele entregou a alma ao criador(a) :)

 

Não tenho tido muitos assuntos de índole sexual da minha vida para contar, para contar trivialidades achei melhor não escrever nada ou seja tenho assentado estes últimos meses, porque tive uma relação estável com o Miguel (meu companheiro actual), os tempos de loucuras ficaram para trás (pelo menos pensava eu).

 

Vamos ao que interessa (pelo menos é para isto que vcs cá vem, hehehe), à cerca de 3 meses veio estagiar um rapaz italiano para a empresa que estou a trabalhar (o Paolo), ele ficou a trabalhar no sector pelo qual sou a responsável, e como tal passamos muitas horas juntos, tal como outros que por cá já passaram tentamos ser o mais hospitaleiros possível, no fim do trabalho tento integrá-lo no estilo de vida dos lisboetas (tal como fiz com outros e outra por qual eu fui a orientadora), saímos á noite e nos fins de semana mostrei-lhe os cantos da nossa capital, o Paolo é uma pessoa interessante cabelos compridos negros uns olhos verdes lindos e um corpo atlético bem cuidado, posso dizer que no inicio não mexeu comigo apesar de o achar “comestível” :D talvez porque estava muito ligada ao Miguel, nesses primeiros tempos a maior parte das vezes saímos juntos com o Miguel, só ao fim da tarde praticamente quando o convidava para beber um café é que estava só com ele.

 

Nos primeiros tempos o Paolo era uma pessoa que se mostrava muito reservada e muito respeitadora, desinibindo-se cada vez mais à medida em que se foi identificando com o Miguel e se tornaram bons amigos. O miguel é do estilo bon vivant, conheci-o na noite numa das discotecas que ele é sócio, e sempre foi um playboy que tive de domar acho que não totalmente mas pelo menos a um nível aceitável, mas tenho a consciência que no meio em que ele vive cheio de mulheres bonitas à volta, já deve ter pulado a cerca, mas sinceramente não me importo muito desde que ele no fim esteja comigo e que não passem de aventuras, tá-se bem (mas não tenho a certeza que algo tenha acontecido, mas também não passo o dia a pensar nisso).

 

O Paolo rapidamente se integrou no meio nocturno passando quase todas as noites na discoteca com o Miguel, mesmo que o Miguel não me tivesse dito, bastava olhar para os olhos dele todas as manhãs, sei perfeitamente o que são olhos de farra não tenha já eu passado por essa vida lol, mas tudo bem, ele no emprego nunca mostrou que isso afectasse o seu desempenho na empresa.

A nossa relação tornou-se cada vez mais intima devido ao ligamento com o Miguel, muitas vezes ao fim de semana dormia na “nossa” casa no Estoril (a casa é minha mas enquanto estiver com o miguel é também dele, porque durante a semana dormimos no apartamento dele em Lisboa que fica mais perto da empresa), ou seja era como se fosse mais um da família, inclusivamente de manhã deparava-me com engates que ele trazia para passar a noite, e costumava brincar com ele e dizia-lhe ao ouvido que devia estar muito cansado e ele sempre a disfarçar (como se eu não visse) dizia porquê Suzy? A conduzires um Ferrari toda a noite deve ser cansativo (realmente era com cada mulher que ele engatava que até eu ficava com inveja de ser como elas) um homem daqueles devia ser a atenção do publico feminino, quando ele usava o cabelo solto e barba por fazer até eu olhava principalmente quando o via sair do banho só com a toalha enrolada hehehe,

 

Tudo corria bem até á umas semanas atrás, uma noite que eu estava cansada e queria me vir embora da discoteca mais cedo e aí o Miguel pediu ao Paolo para me vir levar a casa no carro dele porque não levei o meu, nunca tinha notado o interesse dele em mim, mas naquela viagem de regresso o Paolo começou a insinuar-se a mim, fiquei muito espantada porque estava longe de pensar que eu o atraía, não o afastei não sei porquê e continuei a dar-lhe bola e ele cada vez mais a sentir-se mais confiante e eu mais louca só me lembro de dizer para mim própria – Suzy vê lá onde te metes ganha juízo – ele em vez de ir directo a casa foi pela marginal e estacionou o carro numa praia muito conhecida aquela hora da noite pelos casais que vão para ali para a marmelada dentro do carro, e começou com a conversa que já há muito tempo que eu lhe despertei interesse blá blá blá e eu sem dizer uma palavra, até que disse que a única coisa que o travava era o Miguel, e aí eu disse mas o Miguel continua a existir e ele disse que tinha pena mas já não aguentava mais (mesmo cabrão a apunhalar o amigo), e começou a meter a mão na minha perna (naquela noite levava um saia bem curta que me deixava as pernas completamente á mostra) e eu não fiz nada para o impedir, isso na situação de engate quer dizer que a caça está caçada J, daí a um pouca estava-me a beijar sem que eu respondesse mas também não dei para trás, e deixei-me levar até que depois já era eu que o beijava e estivemos naquele marmelanço durante uma boa meia hora, aquele homem realmente era de levar uma mulher á loucura e ele sabia que era bom e usava-se disso, disse-lhe que tínhamos de ir se não o Miguel ia achar estranho, aí ele levou-me a casa sem dizer uma palavra, como era perto rapidamente estava em casa ao sair do carro disse-lhe que não podia acontecer outra vez aquilo, não me respondeu e puxou os meus cabelos para ele e pregou-me um grande linguado, sem dizer mais nada foi-se embora.

Fiquei essa noite sem dormir a pensar no que aconteceu e a esperar por ele, já era quase de manhã quando ele veio antes do Miguel, fui á janela para o ver e qual foi o meu espanto quando vi também sair uma morenaça agarrada a ele, fiquei completamente fodida, então aquele cabrão esteve a comer-me com a boca e no fim trás outra para lhe despejar os colhões, fiquei cheia de raiva e ao mesmo tempo pensava mas tu também não tens nada com ele se o deixas-te comer foi porque querias. Grrrrrrrrr.

 

Nesse domingo andei o dia todo de trombas e ele para me provocar ainda dizia á frente do Miguel que a Suzy devia estar mal disposta, e eu só com vontade de o esganar, sem ver que lhe estava a mostrar que estava caidinha por ele e com ciúmes.

Na segunda feira praticamente não o vi no trabalho e no fim do dia recebo uma sms para ir ter com ele no café que o levei uma vez, não respondi e estive um bocado a pensar se ia ou não até que me decidi ir a pensar para mim - não te deixes levar Suzy. Cheguei e ainda cheia de força comecei logo a dizer quem tu julgas que és para me enganares e no fim levares uma puta para a minha casa, ele cheio de calma disse – odeio esperar vê lá se para a próxima não me fazes esperar. Grrrrrrrr ainda fiquei com mais raiva e continuou, ficas mais sexy quando estás zangada sabias? E meteu-me a mão por cima dos ombros que tirei uma vez mas á segunda já deixei ficar,

 

- Fiquei toda a tarde a esperar pela hora de poder estar contigo a sós,

- Pois, pois, puta que fodeste ontem já não te quer é? - disse eu

- Eu queria era estar contigo mas não podia não era?

- Ou querias que o Miguel desconfiasse?

Mais umas tretas e já estava eu enrolada outra vez.

Comecei com grande força e acabei nos braços dele como dois namorados.

 

Nessa semana não aconteceu mais nada além de um marmelanço num jardim perto do chiado.

Na sexta feira seguinte disse ao Miguel que não me apetecia ir com ele e que ficava por casa ou ia ver os meus pais, já com a ideia que podia estar com o Paolo, fiquei indecisa se dava a entender ao paolo que tinha ficado em casa e estava só, mas resolvi não dizer nada, pouco tempo depois recebo uma sms a dizer se estava doente e se precisava de um enfermeiro, entrei na brincadeira e trocamos umas sms a dar a entender que poderia vir, depois de umas horas apareceu-me em casa, nessa noite estava completamente entregue a ele, conversamos e fiquei com ele no sofá sempre nos apalpanços e marmelada, ainda não tínhamos ido para a cama mas estava num clima de indecisão por um lado queria por outro não, e ele começou a forçar em foder mesmo ali no sofá e eu pela primeira vez comecei a não ceder, o que o levou a começar a ficar sem paciência talvez por estar habituado a ter tudo quanto quer e como quer, aí começamos a desatinar e saiu de casa a dizer que eu tinha que lhe pedir por favor para me foder, o que me levou a dizer que nunca iria dizer tal coisa, apesar de estar toda molhada e cheia de vontade, ainda tentei sair de casa e ir atrás dele para o chamar mas não consegui.

 

No sábado fui com o Miguel para a disco e passei a noite a ser provocada pelo paolo que andava a curtir com a morenaça que tinha visto da ultima vez, chegava a estar na pista no mel com ela e de vez enquanto quando agarrado a ela piscava me olho e fazia-me gestos com a boca a provocar, fiquei cada vez mais lixada, a meio da noite desapareceu e apareceu uma hora mais tarde, eu estava sentada no bar e ele passou por mim segredou-me ao ouvido:

 

- Esta pediu-me desculpa que não podia foder hoje porque estava com o período, e que me fazia um broche para me compensar, a próxima vais ser tu a implorar que te monte.

 

Nunca tinha sido tão ordinário mas mesmo assim não disse nada e deixei-o ir embora com um sorriso na boca e entre dentes lhe disse-lhe ao longe – querias :P

 

Como já vos disse antes tenho tendência para gajos porcos, que me fazem correr atrás deles, e este começou a dar-me volta a cabeça, pela atitude dele.

No domingo logo de manhã ainda estava o miguel ainda deitado arranjei uma desculpa, disse que tinha problemas na empresa e que tinha de ir resolver as coisas, (situação que acontecia frequentemente) e que poderia voltar muito tarde, deixei uma sms no telefone do paolo para quando acordar ir ter comigo á casa dos meus avós no Alentejo (visto que eles não estavam e agora passam mais tempo em Lisboa na casa dos meus pais) numa hora meti-me lá e tratei de saber do empregado que trata da casa, não fosse ele lá aparecer, ao fim da manhã recebo uma sms do paolo a dizer – diz as palavras mágicas, e respondi – POR FAVOR.

 

Fui almoçar e esperei por ele, como estava calor vesti só a parte de baixo do bikini e vesti uma túnica quase transparente deitei-me na espreguiçadeira e adormeci ao sol acordei com as mãos do paolo na minhas mamas e a beijar-me com carinho, adorei acordar assim ele olhou para mim e disse-me  

- isso é tudo para mim

- que achas?

- acho que sim

Beijamo-nos com tesão e disse-lhe

- Fode-me por favor, quero ser toda tua

- Eu sabia, linda menina. Disse-me ele com ar de convencido que adoro

Montou-me ali mesmo junto da piscina, ele não é muito dotado mas sabe usar o que têm muitoooooo bem. Nem me lembrei que alguém podia ouvir (sou muito ruidosa lol), foi mesmo com muita tesão.

 

Quando o sol começou a enfraquecer levei-o para o meu quarto que tenho lá em casa porque não me sinto bem a fazer amor na cama dos meus avós apesar de ser de casal e a minha ser de solteira. Comemo-nos de toda a maneira e feitio durante aquela tarde só havia intervalo para o cigarrnho lol, uma coisa que me deu muita tesão foi pedir por favor para lhe fazer uma mamada, tal como ele me disse na outra noite em relação à morenaça hehehe

Foi uma loucura que me deu muito prazer apesar de achar errado estar a encornar o Miguel, talvez por isso a nossa relação não tem andado bem depois desse dia, sei que é por culpa minha que temos discussões constantemente, talvez porque não tenho coragem de lhe dizer que depois do paolo já não me sinto tão agarrada a ele, eu sei que o paolo não me prometeu nada acho que foi mais uma gaja que passou pelos braços dele mas….

Paolo neste momento está em Itália a visitar a família, não sei se volta, eu pedi-lhe para voltar mas só em termos profissionais porque gostámos muito dele lá na empresa mas só por motivos profissionais OK………… J


23
Set 09

 

Como já vos disse a JU passou por uma fase má devido ao consumo de drogas, e para sustentar o vicio dela e do cabrão do alemão que conheci quando estive de férias na Áustria com ela, passou por uma casa de alterne.
 
 
Esse gajo (nunca gostei dele desde o primeiro dia que o vi), para mim foi o principal responsável pela vida em que ela se meteu, conhecia a JU como mais ninguém nunca a vi com tendência para se meter em maus vícios, de vez em quando fumávamos uns charros e nunca se passou mais que isso e em várias ocasiões tivemos outras substâncias à nossa disposição e nunca ficamos tentadas a experimentar, segundo ela me disse um pouco depois de eu estar de férias com ela na Áustria eles mudaram-se para Budapeste onde começou a má vida, eu  estive também com eles lá em Budapeste e aqueles sítios que ela frequentava não eram para meninas de boas famílias :), devido a isso ela ficou sem emprego e ao principio com o dinheiro que ganhou os primeiros tempos foi só farra enquanto havia dinheiro nos bolsos (dela porque ele tal como suspeitava trabalho não era para ele) foi gastar até mais não, quando o dinheiro acabou estava metida numa vida que não a podia sustentar mais, ainda trabalhou em hotéis e restaurantes mas a vida em Budapeste não é igual à Áustria, o dinheiro não dava para os dois e o vicio já era grande e dispendioso. O gajo que se dava bem no mundo da noite e não era parvo rapidamente descobriu a ideia de ter dinheiro, deu-lhe a volta à cabeça e conseguiu que ela fosse trabalhar para um clube nocturno tipo casa de alterne, ela disse-me que não se prostituía e nem quero acreditar que isso possa ter acontecido, gosto muito de sexo mas foder para arranjar dinheiro nunca fazia, a única coisa parecida que fiz foi quando era pitinha foi andar com um gajo dos carrosséis dumas festas que se faziam na minha terrinha e para os quais não tinha dinheiro e assim andei com o gajo durante toda festa aquilo é que foi andar de carrinho de choques a toda a hora que queria só com uma ficha hehehe aí teve um caso engraçado, era eu e uma outra amiga minha da altura mais velha que eu e bem puta  e os gaijos que trabalhavam nos carrinhos de choques eram também dois um meio cigano e um preto naquela altura discuti com ela que só ia se fosse com o branco porque não queria o preto sem saber o que estava a perder porque actualmente os pretos são a minha perdição :). nunca se sabe a voltas que a vida dá heheheh, além desse caso tive outro que fui para a cama com um quarentão por um contrato que a empresa em que trabalhava na altura precisava, mas aí o quarentão era bom como o milho e o sacrifício não era nada de deitar fora, pena que os homens são como os melões só se sabe se são boas fodas quando os abrimos heheheh e aquele era muito bonito por fora e a foder não valia nada por isso agora homem bonito não me diz nada heheheh.
 
 
 
A Ju nesse clube dizia-me que ganhava à comissão das bebidas e dos table dance que fazia, como ela é mesmo boa, rapidamente começou a ser o centro das atenções do publico masculino e começou a facturar, elas não eram obrigadas a sair com os clientes mas havia meninas que não era tão bem feitinhas como a minha menina ;) tinham que sair com os clientes para tirar um bom ordenado, ela segundo me dizia chegou a sair com clientes mas não pelo dinheiro mas porque lhe dava tesão divertia-se e no fim ainda lhe deixavam umas notas disse-me ela com aquele riso de criança que eu tanto adoro :) 
Doida como ela é disse-me que quando tinha de fazer table dance privados com gaijos que ela não gostava dizia-lhe ao ouvido que a tara dela era meter o dedo no cu a um gaijo, muitos acabavam logo com o table dance enojados e outros que não era tão poucos como se pensa diziam que sim aí é que ela ficava lixada e tinha que arranjar outra maneira para lhes tirar a tusa ;) (meninos mais preconceituosos experimentem um dia que não deixam de ser mais homens por experimentar uma coisa que vos vai dar prazer isso posso garantir já tive muitos machos e bem machos a quem comi o cu com o meu dedo e continuam a ser homens com H grande, é a minha opinião).
Felizmente a minha Ju saiu dessa vida bem rápido porque lhe fiz ver que isso não era vida e tinha que voltar para Portugal e deixar essa vida para trás, consegui que ela voltasse e sem o cabrão, ele ainda cá esteve mas ela foi forte nem o quis ver, ela conseguiu escapar a tempo mas muitas meninas não o conseguem infelizmente.
 
 
 
 
 
 
 
Portanto meninos quando forem ás putas, tratem-nas bem porque se há mulheres que escolhem essa profissão de livre vontade há outras que são obrigadas a prostituírem-se e podem estar em dificuldades como a minha JU, não digo que as tentem salvar a todas porque isso é impossível e se não forem com vcs vão com outros mas tentem meter-lhes na cabeça que tem de parar com essa vida. Não é que eu seja a 100% contra a prostituição porque há muitos casos de maus tratos e exploração a mulheres mas concordo com a Holanda que legalizou a prostituição diminuindo assim esses casos de abuso porque é controlada , não vamos pensar que se pode acabar com a prostituição porque sempre foi e vai continuar a ser a mais velha profissão do mundo e por incrível que pareça também trás benefícios,  acredito que se não houver meninas a satisfazer muitos gajos os casos de violações iriam ser muito maiores,
 
 
e prostitutas há muitas dou mais valor a aquelas que o assumem que não deve ser nada fácil do que muitas meninas que são consideradas como "normais" e andam aí a foder com este e aquele para terem aquilo que querem mas a sociedade a essas não recrimina :( .... enfim é só a minha opinião
 
 
 
publicado por Suzy às 01:09
sinto-me: que fiz o correcto
música: Sigur ros

19
Nov 08

Mais uma vez o trabalho não me deixa tempo para limpar o pó cá do tasco e abrir aos fregueses a porta  ;))), tenho estado envolvida num projecto que me consome quase todas as horas do dia, excepto o dormir que para mim é sagrado portanto desculpem o meu desleixo pelo meu cantinho blogosférico.

 

Histórias de sexo não houve, e como sou uma gaija independente e não tenho macho nem fémea fixo/a nestas alturas ando um pouco à mingua ;(, e também dei com os pés no amante ( a mulher que o ature) ainda pior, o que me vale é o meu amigo inseparável de 19 cm que está sempre a pronto para me pôr com um sorriso de orelha a orelha antes de dormir ;), mas ontem à noite falhou,

 

isso mesmo eles também falham :)

 

 

 

não é que as putas das pilhas acabaram o prazo de validade logo quando mais precisava dele ;( fiquei mesmo lixada, e eu que o elogiava tanto em relação aos homens, de que estava sempre disponível e não era como os homens que muitas vezes falhavam e logo foi lhe acontecer o mesmo. grrrrrrrr

 

Mas teve de acabar o trabalho mesmo murcho, porque uma gaija tem de andar sempre satisfeita ;))))) ora!

 

 

 

Pelo sim e pelo não já comprei pilhas recarregáveis

 

Agora já posso dizer como o coelhinho:

- e vibra

- e vibra

 

 

Já agora, ouvi falar de um que se liga ao Ipod alguem conhece? hummmmmm isso sim deve ser um gadget de gaija com sucesso ;)

 

 

E este tão Kitty

 

Huummmmmmmmmmmmm

 

 

Nunca comprem é na loja do chinês :)))))) 

 

 

publicado por Suzy às 19:13
sinto-me: Já a vibrar

11
Nov 08

Se há coisa que eu não gosto nada de fazer é fazer as malas para uma viagem, mas se há coisa que eu odeio é desarrumar as malas depois da viagem grrrrrrrrr

 

 

Só hoje comecei a ganhar coragem para desfazer as malas da viagem, e isto para mim é uma tarefa interminável, a cada peça de roupa que tiro fico meia hora a pensar nostalgica do que já se passou, a minha casa está um caos há roupa por todo o lado, grrrrrr nunca vi a casa assim ;(

também nunca tive tanto tempo sem empregada ;) logo agora tinha de arranjar uma gripe :( é que eu não fui feita para tarefas domésticas a unica coisa que faço muito bem é dasarrumar isso sim sou uma ás He he he he. 

A minha mãe tá sempre a dizer a menina têm que aprender a fazer alguma coisa senão não há homem que a queira. E eu quero lá homens para lhe arrumar a casa ou para fazer-lhe o comer? grrrrrrrr

Os gaijos que cá vêm a casa também nunca me perguntaram se eu sabia de lides domésticas , estão mais interessados é em desarrumar a minha cama lol, por isso deve ser treta essa conversa.

 

A propósito onde anda o meu fio dental preto que ainda há pouco estava aqui????? grrrrrrrr

 

Vou (des)arrumar mais um pouco

 

Beijos

 

publicado por Suzy às 20:29
sinto-me: No meio da confusão

08
Out 08

 

35 mulheres presas por usarem calças demasiado justas

Polícia diz que as calças demasiado apertadas perturbam a paz

Mais de 35 mulheres foram detidas este domingo no Sudão por «perturbar a paz», tudo porque usavam calças demasiado justas, avança o jornal 20 minutos, que cita fonte da polícia sudanesa.

As detenções fazem parte de um conjunto de acções policiais contra a delinquência juvenil e que têm sobretudo visado o consumo de álcool e a nudez pública. Segundo a polícia, as calças demasiado apertadas perturbam a paz.

As mulheres foram detidas no domingo e na terça-feira foram libertadas, após terem sido presentes a tribunal.

A população mostrou-se indignada. «Vimos cerca de 30 raparigas empilhadas em camiões, como animais. Vimos como as atiravam lá para dentro», disse uma testemunha.

in Portugal Diário

 

São este tipo de noticias que até parecem piadas para sociedades evoluidas como a nossa (sim a nossa, recuso-me a acreditar que ainda temos cá gente com pensamentos terceiro mundista) que me indignam.

Malditos cabeça de toalhas ou homens de saias ;)  que se mantém como se vivessem na era medieval ou inferior, não consigo compreender como estes fundamentalistas aindam comadam vários países e são apoiados por outros tantos paises (hipocritas) ditos evoluidos com interesses na região. Todos têm medo deles ninguem se atreve a criticar o que quer  que seja que estes animais façam. (bendito Berlusconi) 

 

Grrrr cambada de maricas atrasados, já viajei por alguns destes países com estes principios fundamentalistas refugiados na religião e vi o que passam muitas mulheres que são tratadas abaixo de animais, eu própria muitas vezes me senti uma raça inferior aos olhos destes fanáticos e muitas vezes há organizações que se preocupam mais com os maus tratos á lagartixa XPTO e ignoram outros seres vivos que se chamam MULHERES, só ficam muito incomodados quando lá cai umas bombazitas ;))

 

Tomem lá umas gajas nuas, e arregalem os olhos maricas fundamentalistas eheheeh (sim eu sei que muitos deles lêm este blog, até foram aprender português e tudo eheheh)

 

 

 

 

 

 

 

Já chega seus maricas fundamentalistas? já? não, então vão ao google que o Alá não vos vê

 

grrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr

publicado por Suzy às 19:56
sinto-me: Revoltada

WORLD CLOCK
De onde leram este blog
Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Contador
Free Hit Counters
Free Counter
Recados Para Orkut

Quantos estão a ler
mais sobre mim
I'M A BARBIE GIRL ;)
recados para orkut

Devaneios Linkados
recados para orkut


blogs SAPO